Óleo de Prímula - Benéficos e TPM


Recentemente, postei nos Instagram sobre minhas cápsulas de óleo de prímula, dizendo que elas são a salvação da minha TPM. Logo, surgiram diversas mensagens de meninas interessadas no assunto. Por isso, hoje vim contar tudo sobre o óleo de prímula e como ele pode te salvar, miga, na hora da TPM.

O que é o óleo de prímula?

Vamos começar do começo, você deve ter se perguntado o que é esse bendito óleo. Ele é extraído das sementes de uma planta, a qual tem o nome cientifico de Oenothera Biennis, também chamada de prímula. A planta é originária da América do Norte, e é muito utilizada na medicina indígena, com finalidades terapêuticas. 

Como ele age?

Nosso organismo produz vários tipos de prostaglandinas (sinais químicos). Algumas dessas prostaglandinas favorecem o início de um processo inflamatório, já outras controlam um processo inflamatório. O AGL (ácido graxo livre) presente no óleo de prímula é convertido em prostaglandinas essenciais e anti-inflamatórias, responsáveis pelos efeitos terapêuticos do suplemento. Mais do que isso, esse AGL é super importante para as membranas celulares.

Por causa do conteúdo inserido nesse ácido graxo livre, o óleo de prímula pode ser muito benéfico nos distúrbios menstruais, como as cólicas, a endometriose e os sintomas da TPM, que são os mais diversos possíveis. Ele ajuda nos sintomas físicos, aliviando as cólicas, as dores nos seios e dores no corpo, assim como outros sintomas, como inchaço, retenção de líquido, enjoos, enxaquecas, irritação, ansiedade e todos aqueles sintomas típicos dessa fase do ciclo. Eu, particularmente, sinto MUITA diferença com o uso. Usei por um bom tempo e vi todos esses sintomas diminuírem de forma significativa, fiquei um período sem e já senti tudo voltando com muita intensidade.

Vale lembrar que, as pessoas que não usam pílula anticoncepcional terão o maior resultando, tendo em vista que, quem faz uso de pílula anticoncepcional não possui período menstrual, apenas um falso sangramento de escape nas pausas da pílula. Como já faz muuuuuuito tempo que eu estou livre desses hormônios sintéticos, tenho todos os meus hormônios naturais muito livres, e essa liberdade toda deles me fazem surtar no período pré menstrual, por isso uso essa suplementação. Quem me indicou foi minha antiga terapeuta, o que fez uma super diferença na minha vida.

Como tomar? Existem efeitos negativos?

Principalmente no início, a dose recomendada é de 1000 mg. Minhas cápsulas são de 500, então seriam duas ao dia, mas geralmente eu tomo 1 só, já que faço o uso prolongado. Tomar junto com as refeições ajuda a absorver de forma mais eficaz. Não existem efeitos colaterais. De qualquer forma, se você toma medicações ou tem algum problema, vale consultar seu médico. Você deve tomar por alguns meses para continuar sentindo os efeitos positivos.

AH, ele também promete ajudar muito na menopausa.

Outros benefícios

O óleo de prímula também possui ácido linolênico, assim como ácido esteárico, ácido palmítico e ácido oleico. Estes ácidos graxos insaturados possuem ação anti-inflamatória, ajudam a regular os níveis de colesterol no nosso sangue favorecendo a saúde cardiovascular, atuam no controle da pressão arterial, prevenção de diabetes, entre outros. Vale lembrar que nosso corpo não produz esse AGL, por isso, é importante essa suplementação.

Existe alguém que não pode consumir?

O óleo de prímula pode ser utilizado em casos de: paradermatite, psoríase, neuropatias diabéticas, hiperglicemia, esclerose múltipla, eczema, artrite reumatoide, tensão pré-menstrual e menopausa, como suplementação de ácido ômega 6 (GLA) e endometriose.

O consumo de óleo de prímula não é indicado para pacientes epilépticos tratados com fenotiazínicos, já que pode causar um quadro de epilepsia do lóbulo temporal.

Qual valor e onde comprar?

Eu costumo comprar em uma farmácia de manipulação, mas as farmácias comuns também vendem. Existem vários tamanhos, portanto, vários preços. Geralmente eu pago cerca de R$ 15,00 por cada potinho com 30 cápsulas.

Acredito que as maiores dúvidas foram sanadas, e se você tiver mais alguma, pode comentar aqui ou me enviar lá no instagram: @amandagabriielle.

Espero que tenham gostado da dica. <3


Nenhum comentário

Postar um comentário