A riqueza da cultura brasileira


O que você sabe sobre a cultura brasileira? Embora a pergunta cause estranhamento, ela é fundamental para entender a importância do Brasil no mundo.
O Brasil é um país rico em cultura, sendo conhecido ao redor do mundo por conta de seus costumes, tradições e símbolos nacionais. Mas até que ponto vai a riqueza da cultura brasileira?
Se pararmos para pensar em tudo que está a nossa volta, não é errado afirmar que a cultura brasileira está tão impregnada em nosso país que sequer percebemos sua importância e pluralidade no dia a dia.
Se você mora no Sudeste brasileiro, experimente viajar para o Nordeste brasileiro. O mesmo desafio vale para quem mora no Norte brasileiro e nunca visitou o Sul do país. Claro, não podemos esquecer da região Centro Oeste nesse mapa cultural.
A cultura brasileira é tão plural que muda de cidade para cidade, de estado para estado, de região para região. Seja na forma de pronunciar o português, no vocabulário da população ou, até mesmo, na forma de se vestir, tudo é cultura, costume, tradição, e sempre haverá alguma diferença de lugar para lugar.
O Brasil é um país ímpar de uma riqueza cultural incontestável, mesmo que pouco valorizado por alguns brasileiros. Contudo, nunca é tarde para valorizar nosso próprio país.
Separe um tempo para olhar ao redor e pesquisar sobre sua cidade. Com certeza você encontrará histórias, mitos, lendas e figuras fantásticas que fizeram do seu município o que ele é.
Após isso, separe um tempo para conhecer outras cidades, outros estados, as demais regiões do Brasil. Você não precisa nem pesquisar sobre, você pode visitar esses locais e entrar em contato com uma cultura plural de sotaques, roupas, hábitos, comportamentos e obras de arte.
A diversidade cultural brasileira está por todos os lados, ocupando todos os cantos e espaços. Está em brinquedos relacionados ao nosso folclore, como Jogo da memória folclore e Quebra Cabeça Folclore, está nos livros de história, na televisão, na internet e nas ruas.

Valorize a cultura brasileira!

Nenhum comentário

Postar um comentário