sábado, 29 de outubro de 2016

E Ele é como o coração para o corpo

Me deitei e fiquei ouvindo as batidas do meu coração, nem tão apressadas, nem tão vagarosas, no ritmo certo. Eu tenho um prolapso que faz com que meu coração dê umas batidinhas diferentes as vezes, mas nesse momento elas eram exatas, precisas, como uma marcha. Nesse momento eu comecei a imaginar todo o funcionamento do meu corpo, e o que vinha a minha mente era Deus.

A perfeição das batidas do meu coração me lembravam a fidelidade de Deus. Exata. Pontual. Incondicional. Nosso coração sempre está batendo, independe do que estamos fazendo no momento, se estamos vivos, ele continua batendo. Assim é a fidelidade de Deus. Ele segue sempre fiel, independente das nossas atitudes com Ele, das nossas falhas, dos nossos atos.

Minha respiração e o vai-e-vem que ela produz no nosso corpo me lembrou necessidade. A necessidade que temos de Deus, como a necessidade que temos de respirar. Deus está perto de todos nós, o tempo todo, e sem Ele, acredite você ou não, não existe vida. Precisamos dEle o tempo todo, como precisamos respirar.

Ao imaginar o sangue correndo pelas minhas veias, lembro-me do amor do Pai. Existe corpo que funciona sem sangue ? Da mesma forma, não funcionamos sem o amor de Deus. Ainda aqueles que O ignoram, o tem. É essencial, sublime, grande, profundo, tão essencial como o sangue que corre nas veias de cada um de nós.

Então penso no cérebro, a nossa mente, nossa máquina. Isso me faz pensar na Palavra de Deus, em como ela nos guia, nos orienta, em todos os seus mandamentos, ordenanças, como é necessária, e quando entendemos a importância dela, precisamos dela para viver, se torna então nosso manual de instruções. E é triste saber como as pessoas tem em casa um manual de vida, mas em muitos lares ela está aberta em qualquer página, empoeirada, fazendo parte da decoração e não da vida dos integrantes daquela casa. Alguns passam por ela todos os dias, reclamando e querendo uma solução para todos os seus problemas, mas nem sabem que contém ali, na estante, a chave para todas as coisas, a voz de Deus. 

Pensar na exatidão de todos os órgãos trabalhando juntos, um dependendo do outro me faz pensar na Trindade. Pai, Filho e Espírito Santo trabalham juntos, todos os dias, para que tenhamos uma vida digna, uma vida plena, uma vida melhor, e acima de tudo, uma vida eterna. Reconheça esse trabalho, e conheça o tamanho do Amor que Ele tem, o tamanho do sacrifício que Ele fez por você, e ainda que você fosse o único ser vivente na Terra, Ele faria o mesmo sacrifício, porque a sua importância para Ele é como o nosso corpo para nossa vida. E o amor dEle para nós, e como o coração para o corpo. Essencial. 


sexta-feira, 28 de outubro de 2016

No Seu Olhar - Nicholas Sparks

O amor vai além das aparências <3

E eu percebi que não tinha nenhuma resenha de livros aqui, e gente, eu sou muito viciada em ler.

Eu leio muito a Bíblia e amo estudá-la, mas além dela os meus livros preferidos são do Nicholas Sparks. Pra quem gosta de romance/drama/suspense é com ele mesmo. A forma como os livros dele nos prendem na história, nos fazem sair da nossa própria vida é incrível e indescritível. O primeiro livro grande que eu li foi dele, (A Última Música) que virou filme, protagonizado pela Miley Cyrus. Após ler esse livro eu me apaixonei pela forma como o tio Nick escreve, e pelas histórias maravilhosas dele, e sempre com fatos muito verdadeiros, não é aquele romance ilusório, sabe? E além disso, não são aqueles romances tão pegajosos, tem suspense, tem drama, tem ação, tem tudo o que uma história precisa ter.
O livro que eu terminei de ler essa semana é No Seu Olhar, um livro que saiu a poucos meses e acho que já é meu favorito, mesmo tendo lido muitos livros dele, esse foi demais para o meu coraçãozinho.
"Filha de imigrantes mexicanos, Maria Sanchez é uma advogada inteligente, bonita e bem-sucedida que aprendeu cedo o valor do trabalho duro e de uma rotina regrada. Porém um trauma a faz questionar tudo em que acreditava e voltar para sua cidade natal, a pequena Wilmington. 
A cidade também é o lugar que Colin Hancock escolheu para se dar uma segunda chance. Apesar de jovem, ele sofreu mais violência e abandono do que a maioria das pessoas. Também cometeu sua parcela de erro e magoou mais gente do que gostaria. Agora está determinado a mudar de vida, tornar-se professor e dar às crianças o carinho e a atenção que ele próprio não teve. 
Colin e Maria não foram feitos um para o outro, mas um encontro casual durante uma tempestade mudará o rumo de suas histórias. Ao confrontar as diferenças entre os dois, eles questionarão as próprias convicções. E ao enxergar além das aparências, redescobrirão a capacidade de amar. 
Porém, nessa frágil busca por um recomeço, o relacionamento deles é ameaçado por uma série de incidentes suspeitos que reaviva antigos sofrimentos. E quando um perigo real começa a se impor, Colin e Maria precisam lutar para que o amor sobreviva.
Com uma trama madura e repleta de emoções e de suspense, No seu olhar mostra que o amor às vezes é forjado em crises que ameaçam nos destruir e que o primeiro passo para a felicidade é acreditar em quem podemos ser."
A história nos mostra que o amor vai além das primeiras impressões, do passado, da origem de cada um, vai muito além de tudo isso. E depois que você ler esse livro vai ficar algumas horas questionando quem você é, onde está, de tão mergulhado na história, sério. Leiam. Eu super recomendo. Se você já assistiu os filmes dele (Diário de uma paixão, A última música, Querido John, Um Porto Seguro, O melhor de mim, Um homem de sorte, A escolha, Uma longa jornada, Um amor para recordar, Noites de Tormenta e Uma carta de amor) recomendo que leia os livros, porque os filmes são incríveis mas os filmes, te garanto, são mil vezes melhores. 


foto: blog - antesdascinco.com


quinta-feira, 13 de outubro de 2016

Intensa

Lá fora chove e tudo é calmaria, mas aqui dentro tudo bagunçado.

Me deitei e senti que precisava escrever, estava cheia de tudo, cheia de tantos sentimentos que já não cabiam mais em mim, e a forma que eu tenho para selecioná-los e compreende-los é escrevendo, e colocando para fora cada sentir.

A primeira palavra que me veio a mente é "intensidade".
É incrível como sou intensa em exatamente tudo. É incrível como temos essa explosão de sentidos, sensações, emoções, e comigo sempre foi assim. A garota que sente demais.

Não sei se acredito em signos, mas dizem que isso é exatamente coisa de pisciana. Faria todo sentido.

Quando fico ansiosa, travo uma luta para voltar a calmaria. Calmaria essa que nunca é tão calma assim.
Quando sinto medo, tenho que rapidamente usar a razão e lembrar que o medo é ilusão.
Quando gosto de algo, gosto demais, e quando não gosto não há o que me faça gostar.
Quando sinto empatia, me desmonto pelo mundo do outro, posso até não demonstrar, mas dentro de mim fica gigante a preocupação com a outra pessoa.
Quando amo, transbordo amor, quem tem meu amor uma vez na vida e faz bom uso dele sabe que o tem para sempre.
Quando me preocupo, não durmo.
Quando me canso, repouso.
Quando choro, soluço.
E quando é despedida, me desmonto.

Transbordo sensações, choro quando sinto demais, e essa é a minha forma de transbordar literalmente, de por para fora o que não cabe mais dentro.
As vezes é necessário esconder esse universo de emoções, já que não são todos que sabem lidar com esse poço fundo de sentimentalismo, não é para gente rasa. É para gente rara.

Ah, como eu sinto. Sinto muito, mas eu sinto.
Sentir pouco não é coisa minha, nasci sentindo demais, e serei pra sempre assim.
Sinto. Sinto com gosto. Amo, choro, sofro. 
Transformo, recomeço, persisto, não desisto.
Eu sinto tudo o que há pra sentir, e quero ser pra sempre assim. 
"Os contidos que me perdoem, mas eu nasci pra ser intensa."


terça-feira, 11 de outubro de 2016

Existe alguém

Existe alguém.

Em meio a tanto caos e tragédia nos tempos atuais, existe a solução.
Existe uma válvula de escape.
Existe alguém.

Em meio a tempos de ansiedade, depressão, estresse, nervosismo, doenças, existe um remédio.
Existe um antidoto.
Existe alguém.

Em meio a tanta falta de amor, frieza, preconceito, guerras, existe a saída.
Existe o Amor pleno.
Existe alguém.

O que eu quero dizer é que existe a solução e nós estamos mais perto dela do que imaginamos. Muito mais.
Nós temos livre acesso, temos contato, temos conosco 24h por dia a saída para todos os problemas, a solução para todos os males.
Aquele que cura as dores, internas e externas.
Aquele que cura doenças, ressuscita mortos, faz cegos enxergarem AINDA FAZ TUDO ISSO.
Aquele que faz a vida mais leve, calma e feliz está contigo o tempo todo.
Aquele que abriu o mar para o seu povo passar pode abrir um mar em meio aos seus problemas, pra que você passe ileso por tudo isso.
Aquele que tirou José do fundo do poço literalmente e o fez governar no Egito, pode te fazer reinar sobre todas as tribulações que te afetaram.
Aquele que fez Saulo virar Paulo pode mudar totalmente a sua história.
Existe alguém. 
É isso que eu quero que você pense e entenda hoje. 
Você jamais esteve ou estará só porque EXISTE ALGUÉM que te ama, te busca e procura, que te fez único e vê o quanto você é incrível. Alguém que sabe de todos os seus erros mas se dispõe a perdoar todos eles, a esquecer cada um deles e te dar um novo começo.
E não vai ser qualquer começo, vai ser uma vida toda do zero, independe se você tem 10, 20, 30 ou 80 anos, tudo pode começar outra vez e ser bem melhor. 

Existe a solução.
Existe alguém.
E é só você chamar e O invocar que Ele estará contigo. Apenas se você O convidar para tomar conta de sua vida Ele vem, e transforma a água em vinho outra vez.
Ele é Deus, Jesus Cristo, aquele que venceu a morte e nem a morte tem poder sobre os que o temem e o amam, porque esses herdarão a vida de verdade, a vida plena e eterna.
Existe amor, existe felicidade, existe plenitude, existe bondade, existe cura, existe saída, existe alguém.
Existe ELE. 






segunda-feira, 3 de outubro de 2016

É madrugada

Já sentiu que ao colocar a cabeça no travesseiro, surgem mil perguntas, sentimentos, sensações, lembranças, sonhos, inseguranças, um misto de sentimentos ?

É madrugada.


Mais uma madrugada e os pensamentos viajam por labirintos inacabáveis. Os sentimentos são confusos, embaralhados, como a visão noturna.
E há quem diga que madrugada foi feita pra pensar, e não dormir.
As estrelas trazem consigo saudades, sonhos, dúvidas, um turbilhão de sensações, e eu me rendo a todas elas com uma intensidade que é só minha. 

Saudades. Saudades de situações, sensações, pessoas que se foram involuntariamente ou por uma escolha, e dessas últimas, me pego indagando o porquê, mas logo mudo de pensamentos, se escolherem ir, não merecem espaço dentro de mim.

Dúvidas, inseguranças, medo. Mas logo uso a razão e penso o quanto tudo isso é imaginário, ilusório e ruim. Viro de um lado para o outro e  mudo novamente o percurso dos meus pensamentos, me esforçando pra pensar no que há de bom, convencendo minha mente a ir para outro caminho, e ela vai.

Desejos. Sinto cada um, pensando em todas as possibilidades, em todas as vontades, em todas as oportunidades, possibilidades, em todas as sensações.

Sonhos. Penso em tanta coisa que quero viver e me entregar, penso em cada meta, em cada objetivo, em cada sonho que tive e tenho. Mas logo durmo, e isso tudo reflete enquanto eu durmo. Meu cérebro continua involuntariamente a pensar em tudo aquilo enquanto meu corpo descansa. Ele junta tudo e me apresenta cenas das quais eu posso gostar ou não, mas de uma maneira ou outra, representam tudo o que sinto, de uma forma misturada e sem pauta, desorganizada. bonita ou não, da forma em que ele absorve, dividindo comigo tudo que ecoa por dentro de mim mesma no silêncio da noite, dividindo comigo cada barulho que acontece internamente enquanto por fora tudo é breu e calmaria.

Gosto quando acordo.
Gosta da clareza da manhã. A clareza como enxergamos as coisas. 
Tudo fica mais fácil com a luz, e meu bem, tudo sempre ficará mais fácil quando há luz, quando nos disponibilizamos a enxergar as coisas como são, sem dramas aumentativos. 
Tudo sempre vai ficar mais fácil.
E sigo com essa frase, repetindo até me convencer inteira de que "tudo vai ficar mais fácil."
Após a madrugada sempre virá a manhã. E tudo há de ficar mais fácil, sempre solucionável, e percebo o quanto a razão importa mais do que o coração em alguns momentos.
E a manhã traz consigo clareza nos pensamentos, sentimentos iluminados, a razão equilibrada e mais distante da utopia, traz recomeço, e cheirinho de café.
Nas manhãs as misericórdias de Deus se renovam, e Ele nos torna aptos a mais uma chance.
É, meu bem, a noite é linda, mas eu prefiro mesmo a clareza de um dia ensolarado, ou a calmaria de uma manhã clara e chuvosa. Gosto de ver as coisas como elas são, minuciosamente.
E vivo mais um dia, até chegar a próxima madrugada, onde novamente eu vou ser intensa em tudo o que é possível sentir.