domingo, 4 de setembro de 2016

Será que eu vou me tornar um escritor ?

A resposta para essa é pergunta é simplesmente - não. E o porquê vem em seguida.

Você não vai se tornar um escritor, porque se você ama escrever, se você escreve, você já é um.

As pessoas relacionam "ser escritor" com um fator de sucesso, fama, livros publicados, nome nos trending tops, mas ser escritor vai muito além disso, e quando o foco de escrever é apenas fama, aí sim é sinal que aquele que escreve não é um escritor, mas sim alguém que busca ser conhecido a qualquer custo.

Ninguém se torna escritor, você nasce ou não escritor.
Escrever é colocar todos os seu sentimentos, pensamentos, crenças, neuroses, inconformidades com o mundo, tudo o que há dentro de você em palavras não ditas.
Escrever é se organizar, se aconselhar, e compartilhar com outros que nem conhecemos o nosso mundo interno, todo o universo que cabe dentro de nós, e que não pode ficar guardado, tem que ser exposto, tem que ser colocado para fora. É a saída de emergência, o escape da alma.

“Escrever é vomitar tudo que você viveu, tudo que engoliu e não colocou pra fora. É transbordar o que não cabe mais dentro de você.”— Demografar.

Escrever é algo independente. Você pode ter uma profissão distinta, ser medico, contador, vendedor, autônomo, famoso, anonimo, rico ou pobre, velho ou novo, pode passar a vida exercendo uma profissão diferente, e ainda assim ser escritor, e falar que escreve por hobby, mas na verdade, você é escritor, e segue outra profissão por necessidade ou hobby, mas a alma de um escritor faz com que ele seja sempre um. É um dom. Escrevendo bem ou não, assim como temos a necessidade de comer, dormir, conversar, quem é escritor tem a necessidade de escrever, até porque a maioria lida melhor com a escrita do que com a fala propriamente dita. Não desista de escrever, não desista de fazer o que ama seja lá o que for. 

O que eu venho dizer é - ESCREVA. Tenha toda autonomia pra assumir que você é um escritor.
Não pense só em sucesso, fama e reconhecimento, se você escrever, tudo isso consequentemente vem com o tempo. 
Não existe prazer e sucesso maior do que alguém ler o seu texto e dizer que precisava ler aquilo. Alguém compartilhar o que você escreveu. Alguém te agradecer por ter escrito e compartilhado. Escreva e compartilhe. O mundo precisa que você doe um pouquinho do seu interior. As pessoas precisam que você se expresse para se identificar. E acima de tudo e qualquer coisa, faça o que você ama, sempre, independente de qualquer fator externo, o que você ama fazer é o que você realmente é, é a sua verdadeira vocação, não deixe de alimentar isso dentro de você. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário