Amanda Gabrielle

Você sabe



Só você sabe onde já esteve.
Só você sabe o tamanho que as coisas tem e tiveram pra você. 
Só você sabe o que enfrentou, o que conquistou e o que venceu.
Só você.

Gosto de pensar que se todo mundo percorresse a mesma estrada no mesmo horário e no mesmo dia, cada um percorreria de um jeito totalmente particular. E assim é. 

Você sabe, melhor do que ninguém, o tanto de coisas que já provou, o sabor que elas tiveram e como algumas não foram bem digeridas em ti. Como algumas demandaram muito mais esforço para serem digeridas e como outras você precisou por pra fora.
Você sabe que travou batalhas únicas, que houveram dias que tiveram bem mais do 24 horas, e que muitos caminhos pareciam não ter fim.
Você sabe das suas pedras e dos seus obstáculos. Você sabe dos teus calos e dos teus sacrifícios. Você sabe das bagagens que precisou deixar no meio do caminho, e também sabe das coisas que encontrou na estrada. Só você sabe da vista que teve, e só você sabe do cansaço e do trabalho que deu. 
Você sabe que já doeu ser tornar o seu "eu", e você sabe que já foi incrível ser quem é.

Você e apenas você sabe o que passou, o que tentou, o que deixou e o que superou.
Você coleciona troféus invisíveis de caminhos que ninguém te viu passar.
Você coleciona cicatrizes de histórias que ninguém te ouviu contar.
Você coleciona curas de coisas que ninguém te viu enfrentar.
Você coleciona vitórias de batalhas que ninguém te viu travar.

Não é fácil se tornar, mas você tem dado conta.
Você sobreviveu a 100% dos seus dias até aqui.
Você tem mostrado, sobretudo para si mesmo, que você consegue, 
E você sabe disso melhor que ninguém.

Se tornar quem você está se tornando é um processo, com fases, com dores, com alegrias, altos e baixos. É constantemente inconstante. É florescer, e para isso você precisa passar por todas as estações.
Mas enfatizo, você tem dado conta, e vai continuar dando.
Não se compare, a sua caminhada é única, mantenha o foco nela, mantenha os olhos no que te foi dado. Você nem sequer cogitou que iria tão longe, mas você tem ido. Se olhar para trás vai ver o quanto já caminhou até aqui. É arrebatador trilhar o próprio caminho, sair do casulo, se transformar em que deve ser. 

Dentro de você existe tudo o que você precisa para chegar lá, para ir além, para suportar e para superar. Existe a força, existe o desejo, existe a capacidade, existe o talento que você domina por ser exatamente quem é. 
Existe beleza, e quanta beleza ! É singular tudo o que você representa. Sua história é só sua, você é um livro que precisa ser lido, que nem sempre é bem compreendido, mas que carrega unicidade.
Uma voz que precisa ecoar, e não se calar.
Um brilho que não pode ofuscar. 
Você é o seu próprio lar, e aí dentro existe tudo o que você precisa.
O essencial mora em ti.
E você sabe. <3

Beauty - Favoritos de Agosto


O post de recebidos e testados de julho foi um sucessoooo, vocês curtiram TANTO que eu resolvi que todo mês vou trazer para o blog os produtos que eu ando testando e recebendo das parcerias. 

Nesse mês de agosto eu continuei usando todos os produtinhos de julho (se você ainda não conferiu clica aqui), e experimentei poucos produtos novos, mas precisava falar desses também.

Vou começar com um recebido incrível !

1 - Kit Shampoo e Condicionador Embelleze - linha Vitay
Tive a alegria de receber da Embelleze esse kit tão cheio de amor. Quando recebi não imaginava como eu iria gostar dos produtos, até começar a usar. Depois que usei a primeira vez, usei todas as outras vezes que lavei o cabelo, tanto é que durou apenas esse mês e já acabou. 
A linha nova Vitay da Embelleze me surpreendeu. Recebi o kit laranja, mas existem 7 tipos diferentes de produtos, cada um de uma cor. Eu recebi o laranjinha - Alegria Intensa com Biotina e Cafeína. A promessa do Alegria Intensa é auxiliar no crescimento saudável dos fios, além de proporcionar um cheirinho maravilhoso e duradouro no cabelo. E é real !!! Meu cabelo cresceu muito mais esse mês, fiquei muito feliz com isso, e o cheirinho do produto é único, nunca tinha experimentado um shampoo e um condicionador com um cheiro tão gostoso. Fiquei até triste que acabou. Embelleze, meu amor, manda mais, por favor ! <3

2 - Água Micelar Dermattive 
Adicionei o Água Micelar da Dermattive nos meus produtos essenciais. A promessa do produto é proporcionar 6 benefícios: Purificar, acalmar a pele, demaquilar, tonificar, reequilibrar e limpar as impurezas. E sim, o produto cumpre as promessas ! Tira toda a maquiagem, incluindo as make's á prova d'água, limpa, tonifica, deixa  a pele com um aspecto bem limpinho e tem um cheirinho suave e muito gostoso. Pode ser usada no rosto, olhos e boca, e não tem parabenos e corantes. 
Valor: Em média R$ 15,00.

3 - Base Intense 
Comprei essa base um pouco mais leve para usar no dia-a-dia, e gostei. Ela é suave, a cobertura não é pesada, não cobre muita coisa, mas se você tem o costume de selar a maquiagem com pó compacto, ela fica muito boa. Valor : Em média R$ 36,00.

4 - Máscara de Cílios Revlon - Ultimate All-In-One
Já faz um bom tempo que essa máscara está aqui em casa, usei durante um tempo, depois acabei usando outras e ela ficou no meio do caminho, até que algumas máscaras acabaram e eu voltei á usar, e tinha me esquecido como ela é boa ! Essa máscara tem um pincel Mini Brush, em formato oval, o que faz com que todos os cílios recebam a máscara de forma igual. Ela é leve, mas ao mesmo tempo tem um potencial único de volume e cor. 
Valor: Em média R$ 40,00

5 - Máscara de Cílios Colossal Maybelline 
Essa eu sei que é queridinha de muita gente ! Mas eu precisava vir contar o quão feliz eu estou com essa aquisição (hahaha). Eu já tenho os cílios bem grandes, o que facilita muito, mas eles não são tão curvadinhos, e essa máscara curva os cílios com uma facilidade enorme, em uma, no máximo duas camadas, o efeito de cílios postiços já é muito real. Ela curva e proporciona um volume muito maior, e acho que o diferencial dela é a facilidade nisso, não é preciso muito produto para ter o resultado, pelo contrário. Cílios de boneca é pouco para explicar o efeito dessa máscara. 
Valor: Em média R$ 36,00.

Esse é o Beauty de agosto, amores ! 
Já chegaram vários produtos de setembro (e ainda é dia 3), ou seja - o próximo Beauty vai ser enorme do jeito que a gente gosta. Então me segue nas redes sociais aqui do lado, ou coloca o seu e-mail ali em cima, no Newsletter, e receba de primeira mão as notificações de post novo. 

E me conta, quais os seus fav's do momento ?

Inteira

foto: @amandagabriielle


Houve um tempo onde eu tinha pavor de ficar sozinha. A minha própria presença não me bastava de jeito nenhum, eu evitava ao máximo ficar sozinha, ir á lugares sozinha, e até aceitava relacionamentos mínimos por medo de ficar só. Acho que todo mundo passa um pouco por essa fase antes de se conhecer de verdade, né ? Ainda vejo muitas pessoas passando por essa fase, mas fazendo dela uma situação permanente, numa infinitude, sem conseguir se encontrar, e aceitando tão pouco, tão menos, tão nada perto do valor que a sua presença carrega. Quantas histórias horríveis atualmente de mulheres que permanecem com pessoas ruins por achar que não merecem mais do que aquilo. A gente sempre vale e merece mais ! O pouco não é uma alternativa.

Um dia aconteceu.
Eu me encontrei, me descobri, e entendi que não tinha nada tão gostoso, tão criativo, tão interessante como a minha própria companhia. Eu descobri a liberdade de ser quem eu sou, com tudo o que eu carrego em mim. Eu descobri mais sobre os meus medos, sobre as minhas vontades, sobre as minhas escolhas e os meus porquês. Essa foi a chave para eu entender mais sobre mim, e querer ficar e ser completamente com quem eu sou. Toda essa história de aceitação que a gente já conhece, mas que cada um vive de uma forma tão particular, tão intima, e só se conhecendo muito bem a gente consegue determinar o que entra, o que permanece e o que sai da nossa vida, dos nossos hábitos, da nossa forma de pensar, lidar e reagir.

Eu entendi que, eu, sozinha, não era metade nenhuma. Eu entendi que eu sou completa, inteira, e que viver dependendo emocionalmente apenas da minha própria pessoa é incrível. Isso não me priva de encontrar pessoas, conhecer, estar e gostar de estar com outras pessoas, mas isso faz com que, ainda que todas essas pessoas não estejam, eu vou estar, e eu vou bastar para mim. Isso também não me anula de criar expectativas, (até porque eu sempre fui a rainha das expectativas), mas faz com que ainda que um pouco decepcionada ou chateada, eu nunca fique surpresa. Eu sempre espero das pessoas todas as reações, todos os lados, todas as circunstâncias. Por me conhecer tão bem, eu também conheço praticamente todas as possibilidades das outras personalidades. 

A maior mudança de tudo isso é que a gente passa a não aceitar mais poucas coisas. Eu não aceito e nem me contento mais com meias presenças, meias intenções, meias vontades, meios sentimentos, a metade passou à ser muito pouco, e como eu já falei, o pouco não é mais uma opção.
Minha famosa mania de colocar intensidade em tudo. Eu nunca soube ser meio termo em nada. Sempre sou muito. Sempre transbordo. A intensidade nunca bateu na porta antes de entrar, ela sempre me invade, e eu também nunca consegui impedi-lá de ficar. Sempre foi 8 ou 80. Muito ou nada. Em tudo, e para tudo. Isso nem sempre é bom, mas é uma característica minha que eu abracei e entendi.

E agora esse é o foco da minha intensidade. 
Sou inteira, não sou metade de nada, nem de ninguém, e também não quero quem seja, se for pra querer algo, eu quero só o que é inteiro, quero que transborde, quero que me surpreenda positivamente e me mostre mais do que eu já vi, não deve ser impossível. 
E ainda assim, quero a minha liberdade.
Quero continuar sendo livre pra ser quem eu sou, livre com o meu espaço, livre pra dividir o que eu quiser, e livre pra ir quando eu quiser. Talvez isso soe um pouco egoísta, mas é que eu tô vivendo um relacionamento muito sério comigo agora, sabe ? Um relacionamento que eu demorei muito pra conseguir cultivar, e agora que eu tenho, eu não consigo deixar de lado. Não consigo me prender á nenhuma situação que me prive da sensação única, da dor e da delícia de ser exatamente quem eu sou agora. 
Ser assim tem seus problemas, principalmente aos olhos das outras pessoas, mas aos meus, sinceramente, são mais vantagens. Eu me machuco menos, eu me engano menos, eu espero menos, e eu vivo mais e plenamente. Eu me entendo. Eu me bagunço mas eu me resolvo. Eu faço. Eu escolho. Eu me contento. 

Isso tudo faz parte de mim. Mas o mais importante desse texto é que todas nós precisamos parar de achar que somos metade de algo. Precisamos parar de nos submeter á pessoas ruins por achar que precisamos estar sempre com alguém. Precisamos parar de achar que somos pouco, de nos limitar, de deixar que nos definam e rotulem, de deixar que tentem comandar nossos sentimentos, nossa escolha de ficar ou ir. Quando a gente se conhece, reconhece o nosso valor, o nosso tamanho, a nossa dimensão, o prazer de ser quem somos com tudo o que somos, não permanecemos onde não há estrutura para todo o nosso ser, todo o nosso "eu", toda a nossa essência. Não permaneça onde você não pode ser você. E não aceite ser meio termo ou metade de algo. O mundo tem medo de mulheres assim, porque sabe até onde podemos ir, mas não deixe que te diminuam pela incapacidade de te compreender. Perceba quão f@da é a sua própria pessoa e presença.

Eu sou assim, inteira.
E se você quiser ficar, saiba compreender, e acima de tudo, venha para transbordar, não para completar, muito menos para bagunçar o que eu demorei para arrumar aqui.